UEMG
  < inicial < notícias espacador
+ notícias
 

Governador conhece projeto conceitual da Cidade da Ciência e do Conhecimento

03/08/2012

O governador Antônio Anastasia recebeu no Palácio Tiradentes o arquiteto Jaime Lerner que apresentou o conceito inicial do projeto arquitetônico da Cidade da Ciência e do Conhecimento, a ser construída na capital mineira. Acompanhado pelo secretário Narcio Rodrigues, Lerner apresentou ainda o projeto urbanístico e arquitetônico da Cidade das Águas – Unesco – Hidroex, sediado em Frutal, no Triângulo Mineiro.

A Cidade da Ciência e do Conhecimento será um ambiente para produção de pesquisa, criação de tecnologias, desenvolvimento da ciência, geração e aplicação do conhecimento, em um espaço urbanístico que privilegia o meio ambiente e patrocina a inovação.  A proposta vai transformar a região Leste de Belo Horizonte.

Durante o encontro, o governador ressaltou a importância de ambientes que fomentem a pesquisa e compartilhem o conhecimento. “Através desses projetos, podemos ser um celeiro de novas idéias. Nós, mineiros, somos muito ciosos do nosso capital humano, da qualidade das nossas universidades, da nossa gente e da nossa instrução. Acredito que a Cidade da Ciência e do Conhecimento será um belo cartão de visitas. Mais do que isso, vai oferecer àqueles que lá irão trabalhar e estudar uma melhoria muito grande nas suas condições para avançarem ainda mais no século do conhecimento, que é o século XXI”, afirmou.

A Cidade vai convergir atividades de ciência, tecnologia, pesquisa e desenvolvimento em uma mesma região, em especial os bairros Cidade Nova e Horto. A iniciativa tem o objetivo de criar interações entre instituições como a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), a Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg), a Fundação Centro Tecnológico de Minas Gerais (Cetec), o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), o Instituto Agronômico, a Incubadora de Empresas Habitat (Biominas), o Jardim Botânico/Museu de História Natural e o Plug Minas - Centro de Formação e Experimentação Digital.

“O importante é que todas as unidades tenham diálogo e possam ser estimuladas no processo de criação do conhecimento, da idéia. Essa unidade vai propiciar esse encontro fundamental, porque todos passarão por ali e terão uma visão dos conhecimentos, de como se faz a difusão de ideias e a sua discussão. O espaço vai catalisar a criatividade, e o que permite isso é o estar juntos. É isso que estamos propiciando”, explicou Lerner.

O secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Narcio Rodrigues, afirmou que os recursos para as obras já estão garantidos. Serão R$ 50 milhões para novas instalações da Fapemig, que já estão em construção. A primeira fase da implantação da nova sede da UEMG que também fará parte do complexo, custará cerca de R$ 80 milhões. Nas intervenções urbanísticas de integração entre as diversas organizações serão investidos R$ 40 milhões, totalizando mais de R$ 170 milhões. A intenção, segundo o secretário, é que as obras estejam finalizadas até o início da Copa do Mundo de 2014, como um presente para a sociedade de Minas Gerais.

“É um bem extraordinário, é um pulmão que Belo Horizonte tem. O grande marco da Cidade da Ciência e do Conhecimento não é só integrar instituições, é se abrir para a comunidade, para a população, para que as pessoas usem o espaço não só para a produção e a divulgação do conhecimento, a realização de pesquisa, mas também para a convivência”, disse o secretário.

Cidade das Águas

Anastasia recebeu também o projeto arquitetônico e urbanístico final da Cidade das Águas. Instalada em Frutal, no Triângulo Mineiro, a Cidade das Águas é um centro de estudos e referência para conservação do patrimônio hidrológico da América Latina e das nações africanas de língua portuguesa. O local já abriga o Centro Internacional de Educação Capacitação e Pesquisa Aplicada em Água (Hidroex) e a Uemg.

O complexo será formado por um condomínio de 16 universidades e organismos oficiais voltados para o tema água. Além da UEMG, integrarão a Cidade das Águas a Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), a PUC Minas e oito universidades federais – de Minas Gerais (UFMG), Lavras (Ufla), Viçosa (UFV), Ouro Preto (Ufop), Uberlândia (UFU), Uberaba (UFTM), Itajubá (Unifei) e Alfenas (Unifal). Também farão parte a Agência Nacional de Águas (ANA), Embrapa, Instituto Mineiro de Gestão de Águas (Igam), Emater e Fundação Centro Tecnológico de Minas Gerais (Cetec).

“O nosso objetivo arquitetônico e urbanístico aqui é dar espaço ao que a água vai representar. Muitos lugares podem querer ter um espaço destinado às águas, mas foi aqui em Minas que houve a ação política efetiva para isso. Esse projeto vai se tornar referência não só para o Brasil, mas para todo o mundo”, elogiou Lerner.

A Cidade das Águas foi criada por iniciativa do Governo de Minas com o apoio da Unesco. O Governo de Minas e o Governo Federal já investiram R$ 50 milhões na consolidação do conglomerado. A previsão é de investimentos de mais R$ 80 milhões nos próximos dois anos, totalizando R$ 130 milhões.

 

 

REITORIA

 

 

 

 

 

 

 

CURSOS

Busca rápida pelos cursos oferecidos

INTERNACIONALIZAÇÃO

Internacional
Intercâmbio


Comissão de Ética
Horário de Funcionamento
Telefones Úteis
Campus da UEMG BH
Internacional
Manual de Identidade Visual

Ensino
Alunos Matriculados
CENPA
Diplomas Registrados
Documentos
Estágio
Matrículas
NAE - Apoio ao Estudante
PIBID
Sistema Acadêmico
Registro de Diplomas
Processo Seletivo
Pré-Inscrição
PROCAN
Vestibular
SiSU
Obtenção de Novo Título
Transferência
COPEPS

Pós-Graduação
Pós-Graduação nas Unidades
Legislação
Auxílios
Formulários e Relatórios
Bolsas para Docentes e Técnicos Administrativos
Orgãos de Fomento
Programas
Apoio a Participação de Docentes em Eventos

Pesquisa
Pesquisa nas Unidades
Projetos de Pesquisa desenvolvidos na UEMG
Programas de Bolsas
Programa de Apoio à Pesquisa e Pós-Graduação
Formulários e Documentos
Orgãos de Fomento
Editais
Grupos de Pesquisa - CNPq
Catálogo de Publicações
Boletim de Pesquisa
Seminários
NIT - Inovação Tecnológica
Comitê de Ética
Extensão
Extensão nas Unidades
Siga (Extensão)
Documentos
Editais
Semana UEMG
JUEMG
Congressos da Extensão
Encontro de Extensão
CENDRHE

EAD
Cursos a Distância
Polos de EAD
Programas
Ambiente Virtual

Plano de Gestão
Acordo de Resultados
Formulários
Ambientação
Diário Oficial (IOF)
Servidor
Concurso Docente
Fornecedor

Intercâmbio
Convênios Internacionais
Línguas Estrangeiras
Formulários
Apoio e Fomento
Programa Ciência sem Fronteiras
Serviços
Cursos
Biblioteca
Emissão de DAE
Tabela de Serviços

Programas e Ações
PROCAN

Auditorias
Repasses ou Transferências de Recursos
Despesas
Licitações e Contratos
CPA
Formulário de Solicitação de Informação
Informações Classificadas

Noticias
Acontece na UEMG
Agenda
Resoluções/Atas
Palavra do Reitor

Publicações
Editora UEMG
Periódicos UEMG
Audio

UEMG na Web
Facebook UEMG Twitter UEMG

UEMG no
Google

Acesso Rápido
Aluno
Professor

Ferramentas
Acessibilidade
Ajuda
Dúvidas Freqüentes
Fale Conosco
Intranet
Mapa do Sítio
Webmail

English English Version

 

 
UEMG
Universidade Estadual, Pública, Gratuita e Multicampi  
Rodovia Papa João Paulo II, 4143 - Ed. Minas - 8º andar -  Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves - Bairro Serra Verde - Belo Horizonte - MG - CEP: 31.630-900 - Tel: +55 (31) 3916-0471
Aspectos legais e Responsabilidades