Contraste |
| |

    Professor da UEMG Divinópolis lança livro sobre saúde e trabalho

    Assessoria de Comunicação – UEMG Divinópolis
    Texto: Isabella Marques

    Para entender como as novas formas de organização do trabalho afetam a saúde dos profissionais, o professor Matheus Viana Braz, coordenador do curso de Psicologia da UEMG Divinópolis, lançou, no final de março, o livro “Trabalho, Sociologia Clínica e ação: alternativas à individualização do sofrimento”, pela Editora Fi, de Porto Alegre (RS).

    Parte-se da ideia de que os tipos de sofrimentos não devem ser tratados de forma individualizada, mas sim de maneira sistêmica dentro das empresas e instituições às quais pertence o trabalhador. “Descarta-se que todo conflito psíquico tem em sua gênese um conflito social e que o mal-estar no trabalho tende a ser fruto de contradições estruturais não resolvidas pelas organizações de trabalho”, mostra trecho da contracapa do livro.

    E, para dar contorno ao tema, “o livro tem como foco o delineamento teórico-metodológico da Sociologia Clínica, abordagem que oferece alternativas de ação, quando consideramos os modos como trabalhamos com os indivíduos e grupos atualmente”, conforme explica o autor.

    A partir de sua experiência em diversos contextos de trabalho, o professor Matheus explica, ainda, que trata, especificamente, de dois dispositivos de intervenção: os Grupos de Implicação e Pesquisa e o Organidrama. “Este não é um livro de receita nem de prescrições, mas de reflexões sobre como podemos construir uma escuta mais sensível nos espaços de trabalho, articulando propostas de ação que contemplem o registro da reflexividade e das emoções e sentimentos dos trabalhadores”, finaliza.

    Para adquirir o livro físico ou baixar o “e-book” gratuitamente, acesse o site da editora e saiba todas as informações: https://www.editorafi.org/119trabalho.

    © 2021 UEMG